4 de agosto de 2014

O Meu Coração Está Às Pintinhas (e Muito Pequenino...)

Recentemente adquiri para a biblioteca do JB mais um livro giro giro por recomendação de uma amiga que tal como eu acredita que o uso de metáforas pode ser uma excelente forma de ensinar e educar.

Estando aqui «a mil» a arrumar a secretária lembrei me de registar aqui mais esta recomendação ... a arrumar «a mil» porque hoje tenho «o meu coração às pintinhas e mesmo mesmo muito muito pequenino» :((((((((((
Mais uma dessas viroses parvas e conjuntivite não num mas nos dois olhitos lindos do JB. Só espero que o pediatra não esteja ainda «para banhos» ... porque aí vamos nós :((((((((((


Os cardiologistas e outros cientistas fizeram por estes dias uma descoberta que veio espantar o mundo. Ao observarem, ao detalhe, um coração de mãe descobriram que este órgão não é apenas um músculo que bate sem parar... mas sim um lugar mágico onde acontecem as mais extraordinárias das coisas.
Mas como?
Os cientistas descobriram que o coração de mãe está ligado a cada coração de filho por um fio fininho, quase invisível. E é por causa desse fio que tudo o que acontece aos filhos, faz acontecer alguma coisa no coração de mãe. Querem ver?

“Quando os filhos dão gargalhadas, 
o coração de mãe até canta. 
Quando um filho está triste, 
o coração de mãe parte-se em mil bocadinhos.

Quando um filho fica doente,
o coração de mãe fica às pintinhas (e muito mais pequenino…). 
Mas o coração de mãe volta a crescer 
quando um filho se sente finalmente melhor!”

– Recomendado por Gulbenkian/Casa da Leitura
– Aconselhado por Plano Nacional de Leitura
– Finalista 2nd CJ Picture Book Festival, Coreia
– “Melhor Capa Infanto-juvenil” – Prémio LER/Booktailors

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares