30 de novembro de 2012

Goodnight Moon...

Enquanto estive grávida lia de vez em quando especialmente 2 livros: Goodnight Moon e The Cat in the Hat.
Foi uma daquelas coisas de grávida... e também o meu lado «romântico-desconfiado». Tinha lido algures que o bebé depois reconheceria a leitura que tinha ouvido no ventre, o mesmo me aconteceu em relação à música, e decidi experimentar.
Escolhi estes dois livros que adoro porque me deixam boas lembranças de uma fase em que vivi nos EUA. São muito populares na literatura infantil americana.
Agora, de vez em quando, leio-os ao JB.
O pequeno ainda não tem os 5 meses feitos mas é delicioso vê-lo atento e quietinho enquanto lhe conto a pequena história do Goodnight Moon e giro vê-lo acompanhar o ritmo das rimas do Dr. Sess em The Cat in The Hat.
Quanto à música também desde o dia que regressamos a casa da maternidade que nos acompanha e que tem efeitos milagrosos - de alegria ou de calma dependendo do que precisamos no momento.

Verdade que reconhece as histórias e a música então? Não sei! A mim parece-me que sim!
Mas de certeza que valeu a pena tentar e agora acreditar.




22 de novembro de 2012

Reencontro ao final do dia...

Hoje ao final do dia reencontrei me com o JB e a avó... maior regozijo não há que sentir a alegria manifesta de um ser tão pequeno, o meu filho, nos meus braços.
Tudo mais é irrelevante! Todas as prioridades se restabelecem!

JB com jumpsuit em veludo Ralph Lauren

Restaurante O Terraço @ Martinhal Beach Resort & Hotel










Martinhal Beach Resort & Hotel

http://www.martinhal.com 
É justo o prémio 2012 Europe's Leading Villa Resort.
Rodeado de parque natural, oceano, beleza e condições privilegiadas para confortavelmente desfrutar da paisagem, beleza e calma extraordinária do sudoeste do Algarve...
Ideal para famílias. Várias, muitas e divertidas atividades para os mais pequenos.
Para além do hotel têm diversas tipologias de casas - ficamos numa T2 com vista para o mar fantástica.
Já marcámos a intenção! Havemos de voltar! ...e recomendamos!




Ocean Houses

Martinhal Hotel

Martinhal Beach

Martinhal Beach

Os Raposinhos - Martinhal Beach Resort & Hotel

Restaurante O Terraço - Martinhal Hotel

@ Martinhal Beach Hotel & Resort

«Night night
Don´t let the bed bugs bite»

Pijama kimono com ursinhos - Ralph Lauren Layette






21 de novembro de 2012

On the road...

Aqui estamos em mais um road trip e cada vez o JB mais companheirão.
Vamos ao sul do país - Sagres, Algarve. Vou por motivos profissionais mas, o pequeno e a avó para tomar conta dele, também me acompanham desta vez
Claro que paramos muitas mais vezes do que é habitual  - fraldas, biberons e afins... - tornando a viagem um pouco mais longa mas vamos também aperfeiçoando os truques para aliviar o cansaço, ou o aborrecimento, ao pequeno. Entre eles temos uns brinquedos - os favoritos (estes 4 meses já tem muita personalidade!), temos o fantástico iPad - onde eu revejo as reuniões dos próximos dias e respondo emails e o JB vê Baby Einstein e ouve lullubies para dormir, e temos o espelho maravilha.
O espelho dá para o bebé se ver, tem luz e música com controle remoto para a mama e permite que o condutor veja o bebé sem se virar e sem mexer no retrovisor (o que dá um jeitão quando eu vou no carro sozinha com o bebé).
Este gadget acho que será um dia o equivalente à aparelhagem de som xpto de algum carro dele... afinal como dizem e muito bem: a diferença entre os meninos e os homens é o preço dos brinquedos.


 baby in-sight mirror Fisher Price 

iPad


... e assim continuamos a nossa viagem... espero que o «João Pestana» passe por aqui também.

20 de novembro de 2012

Correr correr correr

Dias como hoje sem dúvida ajudam a voltar à linha melhor que qualquer ginásio...
Trabalho.... muiitooooo... Malas (vou de viagem - em trabalho - levando o meu pequeno JB e a avó para olhar por ele), cabeleireira (pintou me as unhas 2 vezes e eu já tentei mais 2 e ainda não é desta! Pois o JB com a melhor das intenções precisa sempre de alguma coisa que interfere com a secagem do verniz...), deixar a bisa com o necessário e os amigos cães e gatinha orientados.... Agora vacinas com o JB....
Socorro! É isso: Socorro!

PS. Voltei aqui só para registar que o JB não chorou, não hâ febre, não nada. É um campeão!

19 de novembro de 2012

Colar de Âmbar para Bebés - afinal funciona?

JB com Colar de Âmbar cor mel

Volto de novo a falar dos colarzinhos maravilha…
É que terminam sendo tema de alguma polémica e muitas questões.

Para mim está claro que é uma solução homeopática logo não necessariamente é «tira e queda» (no meu caso, ou melhor no JB, eu acho que sim, que está a funcionar!).
Ou seja pode haver bebés em que funciona melhor e bebés em que funciona pior – tal como quando tomamos um «chá de barba dos pés da árvore do quintal da vizinha que a avó da prima recomendou» para alguma coisa. Há casos em que funciona mesmo!

Também está claro que tem de haver o cuidado de estarmos atentos no caso de algum incidente ou acidente – o colar partir, o bebé tentar leva lo à boca… mas não temos nós já esse cuidado com tudo o que o rodeia?

Pode ser placebo… em quem em mim? Com efeito no pequeno? Ótimo!

Andei de qualquer maneira a ler opiniões e deixo aqui alguns links.
Há 1000 histórias de todo o tipo - a favor e contra - acho interessante conhecermos todas!

Indiscutível é que os colarzinhos são uma delícia!





Está a usar ou já usou nos seus filhos? Conhece alguém que tenha usado? Gostaria também de conhecer a sua experiência.

Para comprar Colar de Âmbar - entre AQUI - ou por email: colardeambar@gmail.com




18 de novembro de 2012

Moda trendy para os mais pequenos

Andava a «passear» pela BeTrend, site ao qual a Ti me introduziu, e deliciei me com as novas colecções da Dolce & Gabbana e da Hugo Boss para os mais pequenos...

So trendy & So sweet

Na Dolce & Gabbana para as meninas reina o crochet, as rendas, o tweed, as bolinhas e o animal print - tal como para as mamas. Gosto dos looks de festa em preto, o irreverente que ficam com o animal print e o românticas e felizes que parecem com os vestidinhos de renda. Lindas!
Para os meninos destacam-se os fatos de três peças, laços de veludo, casacos e lenços de seda, que traduzem a tradição da marca na alfaiataria e que fazem deles pequenos homenzinhos.
Amar, amar, amei os babygrows com os anjos (1ª imagem).
Reparem nos loafers em veludo da 4ª imagem - fofos!!








A Hugo Boss mantém a elegância característica da marca e os modernos modelitos têm aspecto de serem super confortáveis.
Amei as botinhas para menino (nas fotos 1 e 3 aparecem em vermelho e azul).
Reparem na fofura da menina da foto 2 ...





Fotos: BeTrend

16 de novembro de 2012

5 razões para andar de bicicleta e em companhia do JB

rowdykittens.com

Desde que o JB nasceu que ando a adiar adiar o início da «malhação».
Correr nunca gostei, ginásio não acho piada – ainda que poderei fazer alguma coisa, natação tenho pouco tempo – quando saio do trabalho quero ir a correr ver o meu pimpolho… e esta é a questão: todas estas saudáveis atividades são mais umas horas sem o JB

Será que não haverá algum exercício bom para o corpo, o espírito  o bolso e que possa ser feito na companhia de um bebé saudavelmente?

Descobri que sim!

Andar de bicicleta! Pode ser uma atividade dos 0 aos 100.

Bicicleta porquê?

1. Pelo corpo:
«Andar de bicicleta faz as pernas bonitas.» - sempre ouvi dizer!
Emagrece: Andar de bike é um exercício aeróbico, portanto queima calorias. Em média 400 calorias por hora (para uma mulher com 60 quilos).
Também faz com que exista um aumento da aptidão cardiovascular, aumento da força, equilíbrio e flexibilidade, aumento da resistência.
Pode ser feito por pessoas de todas as idades, desde a infância até a fase adulta.
 Limpa o organismo – Quando acelerado, o metabolismo permite que o corpo se livre mais rapidamente das toxinas, se tornando menos exposto a seus efeitos negativos.

2. Pelo estado de espírito:
Andar de bicicleta é um libertador de stress comprovado. Independentemente de andarmos puramente por prazer ou por uma finalidade específica, chegamos ao destino sentindo-nos relaxados, energizados e felizes sobre o mundo e sobre nós mesmos.
Já que o exercício libera endorfina, que afeta positivamente o humor, e serotonina, que traz sensação de relaxamento também  favorece o sono
Além disso, estar fora de casa numa bicicleta é simplesmente divertido. Quanto mais tempo se gasta em duas rodas, menos tempo passamos stressados.

3. Pela comunidade e o meio ambiente:
A bicicleta não polui nem com CO2 nem com ruído  não gasta combustível, podemos ter contacto direto com a população dos locais por onde passamos com maior facilidade. Da minha bicicleta eu posso admirar, desfrutar e interagir muito mais com tudo o que me rodeia.

4. Pela família
É um programa divertido, barato, que cria hábitos saudáveis e memórias fantásticas (eu tenho as de pequena!) e que regra geral toda a família pode participar – até um bebé!

5. Pelo bolso
Nos tempos que correm também é importante ter em conta!
Li algures que custa entre 20 e 30 cêntimos por quilómetro andar carro, dependendo do veículo. Isto é baseado em despesas como combustível, óleo, manutenção, etc, que aumentam conforme aumenta a duração do tempo de condução. Este número não inclui os custos esquecidos de ser proprietário de um veículo como impostos e seguros. Quando começo a multiplicar o custo por km para andar de carro pela distância que faço para passear por exemplo, facilmente calculo quanto dinheiro posso poupar por andar de bicicleta.
Economizar… divertindo nos à brava!

Agora vem a parte prática.
Que bicicleta?
Uma bicicleta tem de «servir como um confortável sapato».
Aspetos relacionados com a segurança?
Preciso capacetes por exemplo! Visibilidade: tenho espelhos para ver? Sou vista?
Indumentária?
Agora no Inverno preparar os impermeáveis e afins… e no Verão os protetores solares e boinas.

Claro que me estarão a chamar doidinha se não vos recordo que quero ir com a companhia do JB.

Comecei a pesquisa e a alimentar a vontade...
Vejam algumas imagens inspiradoras e fornecedores que encontrei… já coloquei uma na listinha de sonhos a curto prazo!
Espero em breve começar a contar as histórias dos nossos passeios :-)


greenprophet com 

joannagoddard blogspot com

joannagoddard blogspot com

o capacete do pequeno está disponível AQUI


masterfile com

http://www.tagabikes.com

http://www.tagabikes.com

http://www.tagabikes.com




Tagabikes.com

Tagabikes.com

greenprophet com 


AQUI também há bicicletas para mama & bebé para venda
AQUI outra diferente

Se for a cadeira para aplicar nas nossas bicicletas estas opções são boas: AQUI  e
AQUI no site Adeline - também tem acessórios fantásticos - capacetes, cadeiras, campainhas, etc


Repito me:
Espero em breve começar a contar as histórias dos nossos passeios :-) ... e já agora porque não nos contam vocês as vossas histórias e sugestões sobre e para os passeios em família?
  





14 de novembro de 2012

Hoje é o Dia Nacional da Alfabetização! (no Brasil)

Achei muito interessante vários dos artigos deles por isso deixo aqui a partilha!


«Alfabetizar as crianças na idade certa tem uma importância fundamental para o decorrer da vida. 
Pensando nisso, o Educar preparou um especial de matérias sobre como você pode contribuir para a aprendizagem do seu filho: 

http://abr.io/alfabetizar-filho

e ainda:
Sobre a leitura já que as pesquisas mostram que quanto mais cedo se começa a ler maiores são as chances de se tornar um leitor assíduo.
Dicas e informação em:

http://educarparacrescer.abril.com.br/leitura/importancia-leitura-521213.shtml?utm_source=redesabril_educar&utm_medium=facebook&utm_campaign=redesabril_educar&utm_content=boletim&




5 testes para saber se é âmbar verdadeiro


Pois... já se deve ter notado que ando toda entusiasmada com o colar de âmbar do meu JB.
Claro que estou a tomar as devidas precauções de segurança - não dorme com ele sem vigilância - e acho sinceramente que está a ajudar.
Ele está já com os primeiros sintomas dos dentinhos. Babar baba-se sempre mas a sofreguidão da mão na boca e da rabugice é bem menor desde que tem o colar.

Quando ele está mais rabujo a minha mãe já pergunta: «Tiras-te-lhe o colar?»

Uma das minhas grandes dúvidas quando comecei a «estudar» o que era o âmbar e as suas propriedades foi: e como sei se é mesmo âmbar? Hoje há imitações de tudo e de mais alguma coisa.

Procurei informação e afinal descobri que há formas simples e ao alcance de qualquer pessoa para testar a «verdade» quanto ao âmbar e descobrir portanto as suas imitações.

Testar o âmbar:

Não é muito difícil de diferenciar as imitações em plástico ou copal (resinas jovens).
Aqui estão alguns testes simples:

  1. O copal e o plástico não toleram solventes. Coloque 1 ou 2 gotinhas de acetona ou álcool numa das contas do colar de âmbar ou da pulseira de âmbar. Se a superfície ficar viscosa, pegajosa ou retirar/alterar a cor mel, pode acreditar que não é âmbar. O âmbar não se altera e não se dissolve perante este tipo de dissolventes. Este é um dos testes simples que pode fazer sem danificar o colar do seu bebé.
  2. O âmbar não derrete. Ele queima devagar como incenso. O copal e o plástico derretem. No entanto enquanto o plástico deixa um cheiro horrível quando é queimado, o cheiro do copal pode ser muito idêntico ao do âmbar. O âmbar tem um cheiro doce, parecido com o pinho, muito agradável, quando é queimado – por esta razão foi utilizado durante séculos como incenso. Recomendaria que não fizessem este teste com os colares já que poderão queimar também o fio que une as contas.
  3. O âmbar boia na água salgada. Esta é a razão de facilmente nas praias da Costa Báltica se encontrar âmbar, especialmente depois de tempestades. O âmbar é libertado de uma camada muito profunda do Oceano – blue earth. Para fazer este teste misture 1 parte de sal com 2 partes de água e dissolva completamente o sal. Coloque uma peça de âmbar na mistura. Plástico e copal afundarão enquanto o âmbar flutuará.  Se fizer este teste tenha o cuidado depois de secar bem o colarzinho para não fragilizar o fio que une as contas de âmbar. 
  4. TESTE RÁPIDO: o mais rápido e menos «destrutivo» teste que pode fazer é limpar muito bem uma das contas do colar (escolha uma numa posição que depois seja referencia para não se enganar – por exemplo junto ao fecho). Cuidadosamente lave com sabão (pode ser detergente da louça ou sabonete – quanto mais simples e sem cheiros melhor) e água, depois passe apenas água até ficar limpinho sem resíduos de sabão. Lamba devagar a conta várias vezes tentando portanto saboreá-la. O sabor deverá ser muito subtil se algum – a maior parte do âmbar não sabe a nada. No casos dos testes que fiz tive mais a sensação de «toque» do que de sabor… não me deixou realmente sabor nenhum. Os plásticos e «primos» normalmente deixam um sabor horrível.
  5. O âmbar é «morno» ao toque - as imitações em vidro por exemplo bastam passar por este teste pois o vidro será sempre mais frio que a sua pele – e tem eletricidade estática. Corte pedacinhos pequenos de papel e espalhe os numa mesa, pegue na peça de âmbar e esfregue em lã, aproxime de seguida a peça de âmbar dos pedacinho de papel – estes serão atraídos como íman pelo âmbar colocando se «de pé» ou mesmo agarrados ao mesmo.


Para comprar click AQUI ou contacte colardeambar@gmail.com



13 de novembro de 2012

Palavras e Imagens I

Há Palavras que nos fazem refletir muito ...
Há Imagens que falam mais do que as Palavras...

Encontradas por aí:









12 de novembro de 2012

Rentrée laboral

créditos: inquisitr.com
Foi hoje o dia!
Não teve grande piada ... não apetecia nada ... mas claro que tinha de ser!

Agora aqui na minha secretária penso que sou uma PRIVILEGIADA - e o é o JB -... teria sido bem pior se com apenas 4 meses o tivesse de ter deixado em qualquer infantário, com estranhos, passando a ser mais um... (ainda que respeito e acho que existem lugares e profissionais ótimos). Entre a avó e as titis somos afortunados!

Isto fez me recordar um livro que ofereci à minha mãe há uns meses, que terminei lendo e que r.e.c.o.m.e.n.d.o.


"Quanto maior é a dúvida sobre o passado,
mais perguntas surgem a questionar o presente"

(...) Qual o papel dos avós: transmissores de afectos sem regras ou, pelo contrário, a garantia da continuidade da família? Como se pode educar nos tempos de hoje, em que alguns reclamam mais autoridade e outros parecem recear a palavra?

Estas são algumas das questões discutidas em A Razão dos Avós. A partir de uma pesquisa aprofundada sobre as suas próprias raízes familiares — as famílias Bensaúde Branco e Sampaio Carvalho —, Daniel Sampaio centra-se no papel dos avós no quotidiano familiar, mas pretende ir mais longe: sustenta que a razão está do lado dos avós porque, como historiadores da família, garantem a autonomia e a diferenciação dos mais novos. (...)

para ver o resumo e informação do livro visite a página do autor :
Daniel Sampaio

10 de novembro de 2012

1ª sopinha

Babete Chica Melancia, colher Chicco;
receita da sopa: abóbora e batata :-)
 Hoje foi um acontecimento importante na vida do JB . Comeu a sua primeira sopinha!
... ou pelo menos tentou!
Nada de caras feias! Adorou! Só ainda não se entende bem com a colher e a paciência esteve sempre um pouco ausente.
Tivemos casa cheia para assistirem ao grande acontecimento.
... como é verdade que são pequenas coisas as que mais nos movem e dão alegrias.
Com o evento «comer» fui buscar um dos babetes favorito - o da Chica Melancia - e acabei depois indo ao site ver as coisinhas deliciosas que a Chica tem. Visitem o site. Vale a pena!


Place mate Zara Home, prato e colher Chicco

-

8 de novembro de 2012

4 meses

foto do site da marca Chicco
Hoje o JB fez 4 meses... como o tempo passa!

Hoje também ele tem os sintomas da sua primeira constipação... contagiado por mim claro! Nesse aspecto não está a ser uma semana fácil.

Usei também por primeira vez o termómetro novo dele... fiquei fã! Tão fácil assim medir a febre. É uma chupeta-termómetro.

«Night night,
Don´t let the bed bugs bite.»

<3 <3 <3 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares